terça-feira, 22 de julho de 2008

Um favorzinho


Sinto saudades

Do tanto que me ardes

De como me invades

Faz-me um favor?

Meu amor, não tardes

Ana Cristina Martins
22-07-2008

2 comentários:

Wagner Martins disse...

Nossa! Que poesia suave, bela, cheirosa...

devanilx disse...

filme do tarantino ou iraniano? preferiria um filme do linch, confuso, meio onírico.