sábado, 14 de maio de 2011

Das dificuldades de se assumir a responsabilidade - do começo ao fim.

Dizem que até um pé na bunda te empurra pra frente.
Pois é, eu penso inclusive que pode ser providencial. Às vezes descobrimos mais adiante que nos livramos de uma bela encrenca.
Por isso prefiro o pé na bunda bem dado, sem dó nem piedade. E sem rodeios. Sim, dói pra burro, mas você é obrigado a se resolver logo. Até pra doer menos.

AnaCris

2 comentários:

Marcelo Caldas disse...

"Na essência somos todos iguais; e nas diferenças nos respeitamos." _Agostinho de Hipona.

J.R. Lima disse...

faz sentido

sentir sempre faz sentido,
mesmo a dor
faz o sentir
fazer sentido